a-agricultura-industrial-n-o-e500-1.jpg

Governos de todo o mundo se reunirão em Nairóbi, no Quênia, em janeiro de 2008 para discutir o futuro da agricultura e definir metas futuras para pesquisas e ações que melhorem a produção de alimentos. O resultado final da reunião será o Relatório da ONU para a Agricultura e você pode ajudar a interferir no processo.
O rascunho final do relatório está aberto para consulta pública até o próximo dia 22 de outubro e vem sendo bombardeado com os falsos argumentos da indústria de transgênicos e do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos de que a engenharia genética e agricultura industrial são os melhores caminhos a serem seguidos.
Temos que contrapor a essa propaganda e mostrar que a agricultura industrial, a engenharia genética e outros mitos tecnológicos não fizeram mais do que falsas promessas e beneficiaram muito pouca gente. E o relatório da ONU é a nossa grande oportunidade.
Apesar de a agricultura industrial oferecer alguns ganhos no curto prazo, ela não é sustentável no longo prazo e compromete a área agrícola da qual depende nossa necessidade por alimentos. Esse modelo também não resolve as necessidades das comunidades locais por subsistência, segurança alimentar e uma dieta saudável e diversificada.
É fundamental apresentar uma contraposição a essa propaganda e garantir que o Relatório da ONU sobre Agricultura reflita a realidade, e não os interesses corporativos.

Fonte: Greenpeace

Anúncios