A defesa das florestas da Indonesia pelo Greenpeace continua. Nesta quinta-feira, 25 ativistas bloquearam barcaças que estavam sendo carregadas com milhares de metros cúbicos de madeira na península Kampar, Sumatra. Com um enorme cartaz, eles pediram à companhia APRIL, gigante do ramo do papel e da celulose, que não jogasse nosso futuro no lixo.

É a segunda vez que ativistas tentam impedir que a empresa continue a destruir as florestas da região. Em outubro do ano passado, o governo indonésio suspendeu temporariamente a concessão de áreas para exploração de madeira pela APRIL. Mas esse ano, abriu a guarda novamente, sem que a companhia solucionasse suas irregularidades. O desmatamento na Indonésia já levou o país ao terceiro lugar dentre as nações que mais emitem gases de efeito estufa.

Fonte: Greenpeace

Anúncios