You are currently browsing the daily archive for segunda-feira :: 8 janeiro :: 2007.

A idéia de utilizar música clássica para defender a conservação da Amazônia foi um sucesso em Nova Iorque. Quem a colocou em prática foi o músico brasileiro João Carlos Martins e sua Orquestra Bachiana de Câmara, com o concerto Amazon Forever (Amazônia para Sempre). O espetáculo, ocorrido em 06 de janeiro, teve a participação de 26 músicos brasileiros e foi a primeira apresentação no Carnegie Hall a custar apenas um dólar por ingresso. O objetivo foi sensibilizar os novaiorquinos para a conservação da floresta amazônica e o papel crucial do ARPA – Programa Áreas Protegidas da Amazônia neste processo.
Com uma comovente história de vida e importante trabalho social no país, João Carlos Martins é reconhecido mundialmente como um dos maiores intérpretes da obra de Johann Sebastian Bach. O pianista resolveu dedicar-se à regência após décadas de luta contra problemas motores que o levaram a não poder mais tocar piano. No entanto, como não consegue mudar as páginas das partituras, precisa decorar toda sinfonia para as apresentações. Em sua recuperação como maestro, Martins resolveu utilizar o poder da música para chamar atenção para algo que realmente o preocupa: a causa amazônica.

Fonte: WWF-Brasil 

Rerum Natura Creatix

[Latim]: A Natureza é a
Criadora das Coisas

Arquivos

Calendário

janeiro 2007
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Freqüência

  • 156.544 eco(cons)cientes

Constituição Brasileira: Capítulo VI – Artigo 225

Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se
ao Poder Público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e futuras gerações.

Entre com seu email para assinar este blog e receber notificações de novos artigos postados.

Junte-se a 10 outros seguidores

nossas campanhas

Adote com Amor!

Estão Tirando o Nosso Verde

A Cor da Cidade

Poluição Sonora é Crime!

João Pessoa Sem barulho